A plataforma de produção de livros mais nova e eficiente - FuturaIM

Produção digital de livros: Como sua gráfica pode aderir o novo ambiente

Os tradicionais processos de produção de livros são estruturados para balancear a relação entre tiragens e a quantidade de pedidos com os seus respectivos tempos de ajustes (set up).

Na área da encadernação, a máxima eficiência é alcançada graças à utilização de equipamentos com maior velocidade, para produção de tiragens maiores e requerendo um número menor de ajustes/trocas de formatos. No entanto, a tendência atual no sentido de produzir tiragens mais curtas com máxima eficiência quebrou este paradigma completamente.

A demanda do mercado por uma produção flexível de livros com equipamentos de encadernação tradicionais fez com que estes se tornassem obsoletos. A produtividade das encadernadoras de alta velocidade ficou comprometida por novas necessidades de produzir tiragens cada vez mais curtas em prazos menores, com formatos e tamanhos muito variados. Além disso, as propriedades das máquinas de impressão digital para produção de livros completos sequencialmente dispensam o tradicional uso das alceadeiras de cadernos que, por sua vez, requerem muito espaço e consomem uma grande parte do tempo requerido de ajustes/manuseio.

Esta nova dinâmica acelera a necessidade em definir novos processos de acabamentos, e com isso, o uso de novos equipamentos e tecnologias, atendendo assim, aos requisitos do mercado por impressão e acabamentos digitais de alta qualidade, máxima produtividade e personalização, sempre atendendo a demanda constante por retornos mais rápidos, custos unitários mais baixos e menor intervenção humana.

Seu futuro no acabamento já está disponível agora!!!

Há muitos anos, a Müller Martini se tornou líder mundial na automação do acabamento gráfico por fluxos de trabalho sem contato humano (touchless workflow), reduzindo mão de obra para manuseio de materiais, eliminando tempos de ajustes desnecessários com tecnologias de acionamento, e transferindo dados entre linhas de produção por protocolos JDF e JMF de uso industrial. Na verdade, a Müller Martini foi membro fundador do consórcio CIP3 que desenvolve e define os padrões JDF/JMF para toda a indústria gráfica.

Müller Martini introduziu no mercado as primeiras grampeadeiras de revistas e encadernadoras de livros automáticos com dispositivos servo motorizados para ajustes de formatos. E na drupa 2012, a mesma Müller Martini apresentou as primeiras grampeadeiras e encadernadoras integradas numa rede (plataforma) digital! Estes, na época, ditos como acontecimentos futurísticos, tiveram o intuito de melhorar a produtividade, eficiência e rentabilidade das gráficas, e hoje formam a base para a nossa filosofia “Finishing 4.0” em engenharia, desenvolvimento e conectividade de equipamentos.

Hoje, o máximo conceito de produção “Finishing 4.0” se baseia no sucesso de dois equipamentos “chave” no mundo da produção de livros para micro e pequenas tiragens: a encadernadora modelo Vareo e a guilhotina trilateral modelo InfiniTrim, ambas totalmente automáticas.

A Vareo recebe ampla atenção no mercado digital pela altíssima eficiência na produção de livros sob demanda com tiragens mínimas de até 1 exemplar (Book-ofone). Adicionalmente, com a integração do novo alimentador / colador de guardas e de reforços da lombada (gaze), com ajustes automáticos da espessura, amplia ainda mais a sua capacidade para a produção de blocos para livros para acabamento posterior em capa dura, até mesmo para tiragens mínimas.

A InfiniTrim é totalmente diferente de qualquer outra guilhotina trilateral anteriormente produzida. Se trata, de fato, de um robô industrial capaz de cortar livros num fluxo com formatos e espessuras arbitrariamente diferentes sem qualquer intervenção humana ou interrupção para ajustes. Produzindo em conjunto, a Vareo e a InfiniTrim garantem a mais alta produtividade, eficiência e flexibilidade existentes atualmente no mercado para produção de livros impressos digitalmente.

E o futuro…

É fundamental e de extrema importância para cada gráfica, ter foco em sua capacidade de manter o seu conceito de produção ao longo do tempo de maneira a acompanhar o crescimento dos processos digitais em sua área particular de atuação. Como impressoras digitais contribuem cada vez mais na quantidade total de páginas produzidas, a Vareo e a InfiniTrim podem ser conectadas mediante esteiras inteligentes para formar uma linha de encadernação totalmente automática, de modo que:

1) Até 3 encadernadoras Vareo poderão ser conectadas a uma só guilhotina trilateral InfiniTrim.

2) Livros e blocos de livros já cortados podem ser direcionados em fluxos diferentes para produzir, ora livros com capa flexível e na sequência blocos para capa dura, ambos com formatos e espessuras das mais variadas e sem interrupção, sempre mantendo a sequência predeterminada para os processos subsequentes com componentes personalizados.

E, no final, qual é o benefício? Produtores de livros poderão ampliar e estender os seus equipamentos existentes visando incrementar e atender o volume da sua produção, não importando quais serão as suas tiragens, seus formatos ou ainda seus tipos de livros.

 

Fonte: Randy Shannon – Müller Martini USA
Banner Qualidade Imbatível pelo Melhor Prazo FuturaIM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *